Em um final de semana magistral, o estoniano Ott Tänak da Hyundai ficou com o primeiro lugar na terra do Papai Noel.

Podemos dizer que a Finlândia é a casa espiritual do rally. Logo, nada mais justo do que em uma situação adversa como na necessidade de uma “prova suplente”, procurar os finlandeses para sediar mais uma etapa do WRC.

Nesse caso, o Rally do Ártico (assim o chamaremos para facilitar as questões de tradução) foi sediado na cidade de Rovaniemi, situada dentro do Círculo Ártico e que é mundialmente conhecida por ser a terra do Papai Noel, haja vista a sua localização na região da Lapônia. Tal prova ingressou no calendário de 2021 como substituta do Rally da Suécia, uma vez que as etapas suecas estavam marcadas, infelizmente, pela ausência de neve em seus trechos (Greta tem razão agora?).

Além disso, há também a preocupação com os ainda crescentes números de casos de Covid-19 naquela região da Europa.